Unidade: Moema Central de Agendamento: (11) 5052-5995 (Seg. a Sex. das 8h às 17h)

Câncer nos olhos: quais são os tipos?

Câncer nos olhos: quais são os tipos?
Autor(a): Clínica Oncocenter
Saiba mais

Os casos envolvendo câncer nos olhos são raros e podem ocorrer em qualquer idade, aumentando o risco conforme as pessoas envelhecem. A maioria dos casos de cânceres de olho e órbita em adultos são melanomas, quase todos têm início em outras partes do corpo – mais de 90% dos melanomas começam na pele. 

As estatísticas apontam para dois tipos mais comuns de cânceres: melanoma uveal e melanoma conjuntival.  Esse tipo de doença é mais comum em homens brancos e, atualmente, no Brasil, o Instituto Nacional de Câncer (INCA) não dispõe de estimativas para o câncer de olhos. 

Os olhos podem desenvolver tumores-cânceres intraoculares. em adultos os mais comuns são:

  • Melanoma; 
  • Linfoma não-Hodgkin.

Em crianças, os mais comuns são:

  • Retinoblastoma (câncer que tem início nas células da retina);
  • Meduloepitelioma

Tipos de cânceres nos olhos

Melanoma Intraocular
O tipo mais comum de câncer na região se desenvolve no globo ocular de pessoas adultas, na maioria dos casos, mas eles costumam ser raros. Os melanomas se desenvolvem a partir do pigmento produzido pelos melanócitos; este se desenvolve no globo ocular, geralmente na úvea, muito raramente na conjuntiva. 

Melanoma Uveal

A úvea é a camada intermediária do globo ocular – formada por três partes:

  • Íris – parte colorida do olho. Envolve a pupila, responsável pela passagem de luz; 
  • Coroide – Uma camada fina e pigmentada do globo ocular que alimenta a retina e a parte anterior do olho com sangue;
  • Corpo Ciliar – Responsável pelos músculos do interior do olho que alteram a forma do cristalino, fazendo com que possamos focar em objetos de acordo com a necessidade. Ela também apresenta células que produzem um líquido na parte anterior do globo. entre a córnea e a lente. 

Cerca de 90% dos tumores oculares se desenvolvem na coroide ou no corpo ciliar. Quando o câncer atinge a íris, é mais fácil termos o diagnóstico e conseguirmos fazer o tratamento.  

Melanoma da Conjuntiva

A Conjuntiva é uma espécie de cobertura clara e fina que cobre a parte branca e dura dos olhos – a esclera. É contínua à córnea, que é clara para permitir que a luz tenha passagem. Esse melanoma é extremamente raro e são mais agressivos, se desenvolvem em estruturas próximas e como podem se disseminar pelo sangue e sistema linfático, podem se espalhar mais facilmente por outros órgãos – como pulmões, fígado e até cérebro. 

Cânceres Orbitais e anexos

A órbita consiste dos tecidos que ficam ao redor do globo ocular, incluindo músculos que movem o olho e nervos. Tumores desses tecidos são conhecidos como cânceres orbitários. As estruturas anexas como pálpebras e glândulas lacrimais também podem desenvolver cânceres – estes denominados como cânceres anexiais. 

Tanto em um quanto no outro, os tumores se desenvolvem a partir de tecidos como músculos, pele ao redor do globo ocular e nervos, são como os seus homólogos de outras partes do corpo, como:

  • Cânceres da pálpebra – geralmente cânceres de pele;
  • Câncer que afeta músculos oculares;
  • Linfomas que começam no olho.

Evite automedicação e autodiagnósticos, procure seu médico e mantenha uma dieta balanceada, exercícios físicos constantes e cuide de sua saúde mental. Acompanhe outros artigos como este na nossa página do Facebook e saiba mais sobre a Oncocenter clicando aqui.

ONA

Endereço:

Moema:

Av. Indianópolis, 394 – Moema
São Paulo/SP – CEP: 04062-000

Telefones:

(11) 5052-5995
Whatsapp:
(11) 98529-1494 - 1º andar
(11) 98529-1708 - Térreo

Comercial/Faturamento/Autorizações:
(11) 4801-5200

Captação

Quero conhecer a estrutura da Oncocenter

Agende uma visitaQuero saber mais sobre os serviços

Deseja agendar uma consulta?

SimNão