Unidade: Moema Central de Agendamento: (11) 5052-5995 (Seg. a Sex. das 8h às 18h)

Hidroginástica: como a atividade impacta na qualidade de vida

Hidroginástica: como a atividade impacta na qualidade de vida
Autor(a): Clínica Oncocenter
Saiba mais

Muitos podem subestimar, mas a hidroginástica é extremamente eficaz no combate ao estresse, além de contribuir para uma melhor qualidade de vida. E está enganado quem pensa que é um exercício aquático indicado apenas para idosos. Além de ser uma atividade completa, que beneficia vários sistemas do organismo, ela pode ser praticada em qualquer idade.

Tendo como principal objetivo o condicionamento cardiovascular e muscular, coordenação motora global, ritmo, agilidade e relaxamento, é um exercício aeróbico realizado dentro de uma piscina e, muitas vezes, com o uso de alguns equipamentos e acessórios. Por ser praticado na água, algumas pessoas acreditam que os exercícios de hidroginástica são mais fáceis e exigem menos esforço físico, mas não é bem assim.

Neste artigo, revelamos tudo o que você precisa saber sobre esse esporte que começou a ser introduzido em clubes e academias, e aos poucos ganhou adeptos de todas as idades. Os vários tipos de treino na água variam em intensidade e podem promover um bom gasto calórico, além de vários outros benefícios. Acompanhe abaixo quais são eles.

Benefícios da hidroginástica

  • Preserva as articulações
    A hidroginástica é uma atividade ideal para pessoas que não podem sobrecarregar as articulações, sendo perfeita para quem sofre com artrite ou artrose ou está muito acima do peso, por exemplo.
  • Reduz as dores no corpo e coluna
    Um dos principais benefícios da hidroginástica para a coluna é a flexibilidade. Além de melhorar a postura, a atividade ainda possibilita que você possa fazer diversos movimentos com todo o corpo, sem sofrer depois.
  • Aumenta a coordenação motora
    Os exercícios realizados na aula de hidroginástica devem ser feitos de forma ritmada movendo os braços e pernas opostas, o que aumenta a capacidade de coordenação motora.
  • Melhora o sistema respiratório
    Realizar os exercícios na água faz com que o funcionamento do pulmão melhore, de modo que ele consiga se expandir e retrair com facilidade, permitindo mais resistência durante as práticas físicas.
  • Previne doenças cardiovasculares
    A hidroginástica ajuda ainda a prevenir doenças cardiovasculares por diminuir a frequência cardíaca e a pressão arterial.
  • Melhora a circulação
    A hidroginástica ajuda a melhorar a circulação devido ao aumento da contração muscular e atividade aeróbia, que tem como resultado a melhora do funcionamento do coração e, consequentemente, uma melhora na circulação sanguínea.
  • Fortalece os músculos
    Não é só na musculação que você pode tonificar os músculos. A ginástica na água ajuda a fortalecer os músculos devido à contração muscular fazendo com que você trabalhe todo o corpo com a aeróbica e ainda consiga definição muscular. Tudo isso, sem passar aquele calorão na academia.
  • Fortalece os ossos
    Realizar exercícios de hidroginástica ajuda também a fortalecer os ossos, porque favorece a absorção de cálcio pelos ossos, deixando-o mais forte e evitando possíveis fraturas, por exemplo.
  • Melhora a flexibilidade
    Esta atividade também é ótima para melhorar a flexibilidade do corpo, devido ao aumento da amplitude dos movimentos que é necessário realizar.
  • Auxilia na perda de peso
    A realização da hidroginástica de forma regular favorece a perda de peso, já que durante o exercício é possível queimar até 500 kcal por hora dependendo da intensidade e duração da aula. E claro, sempre combinada a uma dieta balanceada.
  • Ajuda a relaxar
    O ambiente aquático já faz com que você se sinta mais relaxado, principalmente praticando a hidroginástica, que permite que você possa se exercitar trabalhando todo o corpo de maneira descontraída.

Como a física pode auxiliar na prática da hidroginástica?

“A física explica!” nunca fez tanto sentido! Veja abaixo os efeitos das propriedades da água no corpo durante a realização do exercício e suas vantagens.

  • Temperatura – A água na temperatura adequada (entre 25ºC e 29ºC) aumenta as qualidades elásticas dos músculos, ampliando a faixa de movimentos e prevenindo danos aos músculos.
  • Pressão – Estimula a circulação e faz o aparelho respiratório trabalhar mais.
  • Flutuação – Permite que pessoas com excesso de peso ou problemas específicos que dificultam o movimento em terra, possam se exercitar com facilidade, pois um corpo imerso num fluido é sustentado por uma força igual ao peso do fluido deslocado pelo corpo.
  • Resistência – A água oferece uma resistência ao movimento, produzindo um efeito de sobrecarga, como se a pessoa estivesse se exercitando com pesos.
  • Massagem – A massagem produzida pela água ajuda a aumentar a circulação periférica do sangue e evita que a pessoa fique dolorida.

Como praticar a hidroginástica?

Por ser uma atividade física que permite realizar movimentos aeróbicos com mais facilidade, ela é ideal para quem procura um meio de se exercitar mais dinâmico e divertido. Afinal, você consegue manter os exercícios em dia e, mesmo os de maior intensidade, se tornam mais agradáveis de se fazer pois ajudam a aliviar o calor e a refrescar o corpo quente.
Aplicadas por professores de educação física, as aulas duram em média 50 a 60 minutos, com a altura da água próxima do peito, numa temperatura agradável, em torno de 32ºC, por exemplo. Os exercícios  podem ser feitos com ou sem acessórios, como os halteres e flutuadores. Além disso, esse exercício aquático ainda promove a socialização, já que é realizado em grupo e ao som de uma música animada, tornando a prática ainda mais divertida e gerando benefícios também para a saúde mental.

Apesar dos exercícios serem realizados dentro da piscina, é importante garantir a boa hidratação do corpo bebendo água, suco ou chá logo antes e depois da aula. Ao ser rodeado por água, acabamos esquecendo que também devemos consumir bastante água durante as atividades físicas. Além disso, é importante usar protetor solar e chapéu, principalmente se a aula for realizada ao ar livre e nas horas mais quentes do sol.

Antes de entrar na piscina para começar o exercício, esteja bem alimentado, mas não de barriga cheia. Uma alimentação leve antes de praticar qualquer exercício é o ideal.

Dicas para uma melhor prática da hidroginástica

  • Para obter os benefícios da hidroginástica é preciso praticá-la, pelo menos, 3 vezes por semana, 45 minutos por dia, durante 3 meses no mínimo.
  • Para um melhor desempenho cardiovascular mantenha a frequência cardíaca entre 70% e 85%, da prevista para a idade (cálculo: 220 – idade).
  • Postura é a palavra-chave: encaixe o quadril e mantenha a postura ereta.
  • Durante os exercícios mantenha todo o pé apoiado no chão e contraia o abdômen.
  • Mantenha a respiração contínua para atingir os objetivos cardiorrespiratórios.

Materiais, vestimentas e equipamentos

Abaixo, listamos alguns itens utilizados para a realização da hidroginástica que tornam a atividade muito mais dinâmica e interessante.

  • Acquajogger – Colete feito de espuma flexível, ajustável à cintura.
  • Aquafins – Tonifica os músculos mais rapidamente, deve ser utilizado nos tornozelos ou nos punhos.
  • Bambolê – Usado para coordenar os movimentos em exercícios para os braços e abdominais.
  • Bicicleta Ergométrica – Especial para uso na água, proporciona atividade aeróbica enquanto fortalece as pernas.
  • Bola – Utilizada em exercícios ou jogos para fortalecer os braços.
  • Cama Elástica – Para exercitar as pernas e fortalecer a musculatura do abdômen e glúteos.
  • Halteres – Utilizados para realizar exercícios de braços.
  • Luvas – Aumenta resistência na água e dobra o esforço.
  • Meias de hidroginástica – Aumentam a aderência ao fundo da piscina nas caminhadas e exercícios aeróbicos.
  • Nadadeiras (Pés de Pato) – Aumentam a resistência à água para fortalecer os músculos das pernas e melhorar a atividade cardiorrespiratória.
  • Noodle (Espaguete) – Flutuador versátil, usado para exercícios abdominais, de braço, e localizados de perna e glúteos.
  • Step – Similares aos utilizados em solo para os exercícios de perna.
  • Tornozeleiras – Utilizadas nos tornozelos, aumentam a resistência na água e fortalecem a musculatura dos glúteos e das pernas.

Modalidades da hidroginástica

Existem diversas modalidades de exercícios e você pode encontrar a que melhor se encaixa para a sua necessidade e condição física. Confira quais existem.

  • Hidro Local – Trabalham os músculos com halteres, luvas, tornozeleiras, entre outros.
  • Water Running – Corrida na água, que exercita braços e pernas.
  • Hidro Core – Trabalha os músculos do abdômen, quadril e costas, melhorando o equilíbrio e o alinhamento do corpo.
  • Deep Running – Outro tipo de corrida, praticada com o uso de um colete de flutuação, o que evita o contato com o solo e aumenta o trabalho cardiovascular.
  • Hidrobol – Prática de atividades utilizando uma bola, desenvolvendo a coordenação motora, o equilíbrio e a agilidade.
  • Hidro Sport – Movimentação esportiva dentro da água (vôlei, tênis, futebol, basquete), que melhora a coordenação motora, a resistência muscular e a agilidade.

A água é uma fonte inesgotável de alegria e saúde, e por meio de exercícios simples ou complexos, isolados ou combinados, aliados à música, pode provocar uma sensação de alegria e bem-estar. Com certeza vale a tentativa e a experiência de ter essa incrível e completa atividade física que é a hidroginástica inserida na sua rotina.

ONA

Endereço:

Moema:

Av. Indianópolis, 709 – Moema
São Paulo/SP – CEP: 04063-000

Contatos:

Unidade Moema - (11) 5052-5995
Comercial/Faturamento/Autorizações - (11) 4801-5200
Whatsapp/Call Center (Confirmações de Consultas e Solicitações) - (11) 95070-2845
Novo endereço - (11) 98529-1708
Atendimento de Seg. a Sex. das 8h às 18h

    Quero conhecer a estrutura da Oncocenter

    Agende uma visitaQuero saber mais sobre os serviços

    Deseja agendar uma consulta?

    SimNão